Art Rotterdam

Ulrike Grafberger, Quinta-feira, 4 de Abril de 2013, 79 Visualizações

Art Rotterdam

Hoje temos uma visita planejada à Art Rotterdam. Art Rotterdam é uma das exposições mais importantes da Holanda. Cerca de 70 galerias de toda a Europa, inclusive as principais galerias da Holanda, como West and Grimm, exibem arte contemporânea. O próprio local já é magnífico: o Cruise Terminal no píer Wilhelmina, a mais bela área de Rotterdam, na minha opinião. A famosa ponte Erasmus, o lendário hotel New York, os mais incríveis arranha-céus e vários armazéns abandonados, usados hoje como um local de eventos, estão todos aqui.

Ler mais

Hoje temos uma visita planejada à Art Rotterdam. Art Rotterdam é uma das exposições mais importantes da Holanda. Cerca de 70 galerias de toda a Europa, inclusive as principais galerias da Holanda, como West and Grimm, exibem arte contemporânea. O próprio local já é magnífico: o Cruise Terminal no píer Wilhelmina, a mais bela área de Rotterdam, na minha opinião. A famosa ponte Erasmus, o lendário hotel New York, os mais incríveis arranha-céus e vários armazéns abandonados, usados hoje como um local de eventos, estão todos aqui.

Leigos entre especialistas

Hoje, acho a arte muito interessante, mas estou longe de ser um verdadeiro especialista em arte. Não entendo logo de início o significado profundo de pinturas em linha reta pretas ou azuis. Por isso, estou muito feliz, pois minha amiga Gritta reservou um tempo para me acompanhar pela Art Rotterdam. Gritta é historiadora da arte, trabalha agora para um jornal artístico holandês e administra o Art Award da MK; ela tem ido à exposição todos os dias. Se tem alguém por dentro, esse alguém é ela.

Ela me mostra as obras dos mais famosos artistas holandeses, como Hans van Bentem, Atelier van Lieshout, Carolein Smit e Tiebbe Beekman. De lá, vamos para as galerias alemãs, como a Sommer & Kohl e a Klemm's de Berlin. Depois, vamos para Rotwand, de Zurique, e Rokeby, de Londres, que mostram os rapazes e moças sem rosto de Gideon Rubin. A galeria Kai Middendorff, de Frankfurt, é representada por enormes pinturas a óleo com cores vivas do artista turco Ekrem Yalcindag. Para minha sorte, os amigáveis donos da galeria explicam pacientemente as obras. Agora, sei que Ekrem Yalcindag transformou impressões que ele coletou nas ruas de todo o mundo nos círculos de cores de suas enormes pinturas circulares: "Impressões das ruas". Assim, as combinações de cores de uma vitrine de Düsseldorf repercutem na sequência de três campos coloridos na tela. Você precisa saber disse primeiro...

Aves do paraíso e a rica nobreza

Achei o público tão interessante quanto a arte: um homem com uma jaqueta felpuda rosa e um tufo de cabelos bagunçados e cor de laranja combinando parado ao lado de outra celebridade com calça de tirolês preta, jaqueta e um colete de pele de raposa que poderia ter sido usado pela minha avó. Na outra sala, uma mulher se exibe com botas de cano curto azul Yves Klein e um turbante azul combinando enrolado na cabeça. Decidi que vou dar mais atenção às minhas próprias roupas no ano que vem.

O que você não percebe de cara sobre as pessoas, você verá com certeza quando olhar para elas outra vez: é aqui que a alta sociedade se reúne. E assim deve ser, pois assim a arte é trazida para as pessoas. Talvez você compre um pequeno desenho por algumas centenas de euros, mas você vai precisar de cerca de 25.000 euros para uma pintura que ocupe uma parede. E quem tiver o espaço certo poderá colocar uma instalação completa na sala de estar.

Arte em movimento

Fomos para o edifício com o lindo nome de Las Palmas, em frente às projeções da Art Rotterdam, a exposição sobre videoarte. Filmes são projetados em enormes telas. Para mim, o auge foi "Parade", de Hans Op de Beeck. No filme, Hans Op de Beeck permite que uma grande variedade de pessoas ande em um tipo de desfile sobre um palco de um teatro clássico da cidade em que ele vive. Conforme o cenário muda no fundo (as aquarelas do artista), crianças, equipes de limpeza, transeuntes e muitos outros correm sobre o palco: um desfile sobre a vida, que termina com um funeral e uma jovem criança como símbolo de uma nova vida.

Mas então quem compra videoarte? Os hotéis, por exemplo. O maior promotor de videoarte em hotéis do mundo é o Andaz, em Amsterdam. Filmes em vídeo de artistas internacionais são exibidos nos corredores, em alguns dos quartos e no saguão. A coleção do hotel é composta de 40 obras ao todo.
Por isso, quem estiver interessado em arte contemporânea ou precisar de outros filmes em vídeo,

instalações, desenhos de círculos coloridos ou esculturas para sua casa deverá vir à próxima Art Rotterdam.

Descubra o que há por perto
Google map

Descubra Holland em cada estação

Holland é bela em todas as estações. Encontrar as melhores dicas de férias para primavera, verão, outono e inverno.

Ler mais