Na natureza selvagem

Denise Mosbach, Sexta-feira, 30 de Agosto de 2013, 186 Visualizações

Na natureza selvagem

Amsterdam possui uma biodiversidade incrível e é óbvio o porquê: a cidade é rodeada por diversas reservas naturais que possuem seus próprios personagens. Há floresta (Amsterdamse Bos), campina (Waterland), pântano (IJburg) e muita água dos lagos e lagoas para o Amsterdam IJ, que é salgado. Todas essas áreas possuem suas próprias vidas selvagens. “Se desejar ver muitos animais e plantas diferentes, Amsterdam é o lugar para estar”, explica entusiasmado Remco Daalder. Até 1999, Daalder foi o guardião da floresta de Amsterdamse Bos, mas hoje em dia ele atua como ecologista urbano. “A cidade é o lar de 30 tipos diferentes de mamíferos, 60 espécies de peixes e 150 espécies de pássaros.”

Ler mais

Amsterdam possui uma biodiversidade incrível e é óbvio o porquê: a cidade é rodeada por diversas reservas naturais que possuem seus próprios personagens. Há floresta (Amsterdamse Bos), campina (Waterland), pântano (IJburg) e muita água dos lagos e lagoas para o Amsterdam IJ, que é salgado. Todas essas áreas possuem suas próprias vidas selvagens. “Se desejar ver muitos animais e plantas diferentes, Amsterdam é o lugar para estar”, explica entusiasmado Remco Daalder. Até 1999, Daalder foi o guardião da floresta de Amsterdamse Bos, mas hoje em dia ele atua como ecologista urbano. “A cidade é o lar de 30 tipos diferentes de mamíferos, 60 espécies de peixes e 150 espécies de pássaros.”

Mas onde podem ser encontrados? Quando Daalder lista os animais que vivem em Amsterdam, mesmo eu, uma amante da natureza, fico impressionada. Temos martins, aves de rapina (falcões americanos, falcões e peregrinos), raposas e até mesmo cervos explorando os limites da cidade. Remco fica particularmente empolgado ao falar sobre o Diemerpark em IJburg. "Este é o parque mais recente da cidade e ainda assim abriga uma vida silvestre magnífica... É possível encontrar ali cobras-d'água, os exóticos piscos-de-peito-azul e muitas aves de rapina diferentes. E no verão, os sapos e rãs oferecem um concerto diário gratuito!" O bonde 26, saindo da Estação Central, o leva até lá em 10 minutos.

A segunda região preferida de Remco é Waterland “que possui a comunidade de aves de campinas mais rica da Europa, com maçaricos-de-bico-reto, abibes, ostraceiros, gansos e patos.” Tudo o que você precisa fazer é alugar uma bicicleta na cidade. Após pegar a balsa no IJ, leva apenas 15 minutos para chegar lá.

Porém, o centro da cidade também tem muito a oferecer. Sente-se em um dos muitos terraços no famoso Nieuwmarkt em uma tarde de verão e você os verá: andorinhões. “Amsterdam é o paraíso dos andorinhões”, diz Remco, “mas morcegos também baterão suas asas alegremente ao seu redor.” E há também os famosos periquitos-de-colar do Vondelpark. “Eles escaparam de suas gaiolas nos anos setenta e sua população cresceu para cerca de cinco mil hoje.”

Um final digno para nosso safári urbano seria um encontro com os verdadeiros grande cinco. É possível encontrá-los em Artis, nosso zoológico local há 175 anos.

Descubra o que há por perto
Google map

Descubra Holland em cada estação

Holland é bela em todas as estações. Encontrar as melhores dicas de férias para primavera, verão, outono e inverno.

Ler mais

Mais informações desse blogueiro