Eindhoven, capital do design Holandês

Jeroen Apers, woensdag 16 oktober 2013

Foi a busca pela inovação da família Philips que colocou a calma vila de Eindhoven no mapa. A Philips foi uma das primeiras empresas a produzir lâmpadas em massa. Muitos anos depois, eles tiveram sucessos incríveis com a fita cassete e o CD. Após estabelecer-se através do design inovador, não é surpresa que Eindhoven possua a primeira Academia de Design da Holanda. Este instituto educacional, desenvolvido a partir de uma antiga escola de design, criou muitos designers famosos.

Um desses é Maarten Baas, que ficou famoso com seu projeto de graduação "Smoke", no qual ele literalmente queimou clássicos do design e os preservou com uma camada de epóxi claro. Seus controversos móveis hoje estão na moda e com uma grande base de fãs em todo o mundo, incluindo Brad Pitt. Um dos seus últimos projetos foi o Real Time, uma série de relógios nos quais projeções de vídeo dão a ilusão de que pessoas dentro do relógio movem manualmente as hastes a cada minuto.

Dentre os graduados da Academia de 1990, outro aluno alcançou fama mundial com seu projeto de graduação. Piet Hein Eek inventou um revolucionário armário com sobras de madeira. A ideia de reciclar materiais velhos era muito inovadora na época e foi bastante copiada desde então. Quando estiver em Eindhoven, visite a fábrica de design na periferia da cidade, onde também é possível comprar os móveis diretamente.

A Dutch Design Week é um dos destaques anuais da criativa Eindhoven. Em outubro, este festival - que é gratuito - atrai mais de 200 mil visitantes. Ao longo da semana, há mais de 300 locais onde os designers e artistas podem exibir seus últimos trabalhos. A Witte Dame (Dama Branca), uma antiga fábrica de lâmpadas da Philips no centro da cidade, sedia o Show de Graduação, por exemplo. Nele, é possível admirar as coleções dos últimos talentos da Academia de Design, as estrelas do futuro.

Um dos locais mais badalados que merecem uma visita durante a Dutch Design Week é o antigo sítio de produção De Strijp. Esses antigos prédios da Philips sediam agora diversas empresas de design contemporâneo. Durante a Design Week, o local é transformado em uma animada área de festival com excelentes restaurantes, bares e exibições. Bem no meio encontra-se o restaurante Radio Royaal, que também é um excelente local para comer e beber quando não há festival. Em suas próprias palavras: “comer e beber entre 300 m² de design industrial não polido”.