Indo ao Festival Internacional de Cinema de Rotterdam

Heather Tucker, Terça-feira, 5 de Março de 2013, 221 Visualizações

Indo ao Festival Internacional de Cinema de Rotterdam

Este ano, a 42ª edição do Festival Internacional de Cinema de Rotterdam (IFFR) foi realizada de 23 de janeiro a 3 de fevereiro de 2013. Todo ano me surpreendo o quanto me divirto e a cada ano tento assistir mais filmes do que no ano anterior (isso fica fácil, quando se começa assistindo apenas um!). Este ano não foi uma exceção, mas a surpresa veio de algo inesperado.

Ler mais
Este ano, a 42ª edição do Festival Internacional de Cinema de Rotterdam (IFFR) foi realizada de 23 de janeiro a 3 de fevereiro de 2013. Comecei a ir ao festival em 2010 quando vi uma propaganda em uma via e não tinha ideia do que era. Todo ano me surpreendo o quanto me divirto e a cada ano tento assistir mais filmes do que no ano anterior (isso fica fácil, quando se começa assistindo apenas um!). Este ano não foi uma exceção.

Mas por que ir a um festival de cinema? De modo geral tenho tido sorte. Este ano somente uns dois filmes me deixaram pensando quanto tempo faltava para terminar e muitos filmes me levaram a aplaudir com entusiasmo no final. Um até me provocou sobressaltos – duas vezes – mas tentei disfarçar que estava apenas puxando o casaco para me aquecer. A minha maior surpresa, no entanto, veio de um documentário alemão.

Ao me sentar para assistir um filme sobre Alzheimer, esperava passar todos os 88 minutos agradecendo que nenhum familiar próximo, nem eu, tinha a doença. Mas não foi isso que aconteceu. Vergiss mein nicht (Não Me Esqueça), um documentário pessoal de David Sieveking, acompanhou sua mãe com Alzheimer no dia a dia, enquanto também dava uma olhada em seu passado e muitos papéis – mãe, esposa, ex-feminista e ativista. E em vez de ficar sentada no cinema envolta em lenços de papéis e lágrimas, assisti como uma família, assim como você deve fazer uma bagunça maior antes de poder organizar algo da devida maneira, enfrentou e aceitou a nova Gretel que o Alzheimer deixou para trás.

É por isso que você deve ir a um festival de cinema, na minha opinião. Para encontrar essas joias de filmes que, caso contrário, podem deixar de ser assistidos. Para ouvir e assistir as histórias que, do contrário, podem não ser contadas. Além do mais, em geral, é uma experiência divertida e há aquele burburinho no ambiente na cidade.

Se estiver pensando em ir ao próximo Festival Internacional de Cinema de Rotterdam, as informações abaixo – perguntas frequentes e dicas – podem ser úteis para seu planejamento.

Pergunta: Não falo holandês nem nenhum outro idioma estrangeiro. Conseguirei entender os filmes?

Resposta: Os filmes mostrados no festival são todos em inglês ou legendados em inglês, exceto os filmes marcados com d.s. (legendas em holandês), f.s. (legendas em francês) ou n.d. (nenhum diálogo). Em caso de dúvida, você sempre poderá perguntar em um dos estandes de informações ou consultar a lista no website.

Pergunta: Quais locais da cidade são usados?

Resposta:  Este ano, havia 15 locais diferentes para os eventos e projeções. No entanto, a maioria dos eventos ocorre em de Doelen, Pathé Schouwburgplein, Rotterdamse Schouwberg, Cinerama, Oude Luxor e LantarenVenster. Há mapas nos diferentes locais e também online.

Pergunta: Como planejar o que desejo assistir?

Resposta: O festival de cinema é muito popular e alguns dos filmes podem ter as entradas esgotadas rapidamente, então, é bom se preparar. A primeira coisa a fazer seria criar uma conta no website do Festival Internacional de Cinema de Rotterdam para quando chegar a hora de comprar as entradas você já estar pronto. Depois, fique de olho quando a programação sair.

A programação completa do festival será publicada como um encarte no jornal Volkskrant aproximadamente uma semana antes do início do festival. As vendas de entradas online terão início pouco depois disso com aqueles Tiger Friends e titulares de Unlimited Pass tendo acesso prioritário um dia antes. Então, assim que a programação for publicada, comece a decidir o que deseja ver e quando. Não se esqueça de tomar nota da data de venda das entradas para que possa conseguir sua(s) primeira(s) escolha(s).

Pergunta: Quanto custa uma entrada?

Resposta: Em 2013, uma entrada estava €8-11, dependendo da duração do filme. Há diversos cartões de descontos (por exemplo, Tiger Discount Card) disponíveis e também alguns pacotes (por exemplo, UPC Cinema Day) dos quais pode tirar proveito.

Dicas Extras:

  • Filmes mais curtos frequentemente estão em pacotes em programas compilados. Então, lembre-se disso ao fazer suas seleções/reservas. É possível se esse é o caso de seu filme ao consultar o website.
  • Para alguns filmes, o diretor e/ou outros representantes estarão na projeção para responder perguntas após a apresentação do filme.
  • Não se esqueça de levar em consideração a duração do filme, onde será o próximo e a que horas começa antes de reservas suas entradas. Se precisar ir do Pathé até o LantarenVenster com apenas
  • cinco minutos entre os filmes, terá um problema.
  • Não há lugar marcado para os filmes.
  • As portas se abrem geralmente 15 minutos antes da projeção.
  • Entradas ainda disponíveis uma hora antes de um filme são vendidas com 50% de desconto no Last Minute Ticket Shop.
Descubra o que há por perto
Google map

Descubra Holland em cada estação

Holland é bela em todas as estações. Encontrar as melhores dicas de férias para primavera, verão, outono e inverno.

Ler mais